Skip to content

UN INTELLETTUALE CRISTIANO NELLA TRASFORMAZIONE SOCIALE Luiz Alberto de Souza

09/11/2015

Il Cristianesimo di stampo coloniale, specialmente nelle Americhe, ha avuto oltre che una funzione specificamente religiosa, una innegabile funzione sociale: da una parte, tener buoni i poveri, scoraggiare i ribelli e costringerli ad accettare la loro posizione di secondo piano; dall’altra legittimare il potere dei governi coloniali e dei potenti e sacralizzare le loro decisioni politiche. Così si manteneva un certo ordine, che, analizzato ammodo, era ordine nel disordine, perché fondato sulla diseguaglianza e sul privilegio, non scordando il carattere funesto di una società schiavista. Comunque non sono mancati religiosi che ruppero questa alleanza illegittima in nome della libertà e dell’Indipendenza del Brasile.
Emblematica, tra le altre, la figura di Frei Caneca nello Stato del Pernambuco, un uomo che predicava ideali repubblicani e l’indipendenza del Paese. Prese parte alla rivoluzione del Pernambuco (1817) e componente della leadership dell’ Ecuador (1822), movimenti risolti a ferro e fuoco, con Frei Caneca fucilato nel 1825, perché i boia si rifiutarono d’impiccarlo.
In Brasile non è esistito per secoli un laicato impegnato e di spirito libertario. Ma, a partire dagli anni ’50 del secolo passato, spuntarono molti movimenti cattolici: la JEC, la JOC e la JUC, che prendevano parte ai dibattiti nazionali. Negli anni ’60 sorsero altri di stampo chiaramente trasformatore e rivoluzionario come AP e altri.
Con il golpe del 1964 molti furono arrestati, torturati, cacciati in esilio, e assassinati dagli organismi della repressione militare.

E’ in questo contesto che s’iscrive l’azione di un laico illustre per la sua preparazione accademica, in diritto, in scienze politiche e in sociologia, profondamente imbevuto di ideali cristiani, tradotti in patteggiamenti di trasformazione di una società ingiusta: il Gaucho – carioca per elezione – Luiz Alberto Gomez de Souza.

Il suo libro autobiografico Um Andarilho entre duas Fidelidades: Religião e Sociedade (Educam/Ponteio, 2015) possiede un interesse singolare: Non si perde in una narrazione dove lui – come soggetto – proietta la sua luce, ma racconta le condizioni materiali politiche e ideologiche delle molte realtà in cui ha vissuto e lavorato: in Brasile, Chile, Messico, Francia e Italia.

Quello che caratterizza il suo racconto è la capacità di vivere due fedeltà: religione e società. Ma sempre filtrate su valori evangelici e in chiara etica di solidarietà e impegno con gli emarginati, in vista della trasformazione delle relazioni perverse che ci caratterizzano.

Luiz Alberto realizza – a mio modo di vedere – quello che e deve essere un intellettuale, nel contesto del mondo attuale: un intellettuale che sta sempre attento alla realtà nel suo insieme e non solamente ai suoi frammenti; capace di analisi religiose per arrivare a sintesi che illuminano e fanno avanzare la comprensione e la prassi.

Per compiere questa ricerca accurata, l’autore prende le dovute distanze dalla realtà, per poterla osservare da un punto di vista più alto. Un intellettuale come Luiz Alberto, non compare soltanto come figlio del suo tempo, ma di tutti i tempi nella misura in cui analizza la realtà, partendo da un ‘oltre’ degli interessi contingenti e cerca le radici più profonde nel passato per fare spazio al futuro.

Per questa ragione, Luiz Alberto è un critico esigente con le mode e le facili ideologie sia in politica che in religione. Il luogo scelto per pensare e agire è la società, le organizzazioni popolari, le Comunità Ecclesiali di Base, là dove s ingaggia la dura lotta per la sopravvivenza e dove fermentano nuove idee e progetti. Seguendo l’indimenticabile Betinho, è arrivato a convincersi che le trasformazioni, nelle nostre società complesse e dominate da poteri anti-popolo e anti–vita potranno fare irruzione solo dal basso della società. E’ la sofferenza che fa pensare e permette di creare. Per questo, l’intellettuale Luiz Alberto è un uomo “della seconda innocenza” (Hegel). E’, secondo Gramsci (che lui conosce molto bene), chi sa elaborare criticamente quello che esiste in ogni persona.

Tutto questo costituisce la base che sostiene il suo compromesso storico. E’ da ingenui immaginare che l’intellettuale sia completamente avulso dai vincoli delle forze sociali. Luiz Alberto ha fatto una chiara opzione per la società, per le classi popolari, ha conferito centralità agli invisibili affinché possano apparire e, organizzati, si trasformino in forze sociali di cambiamento. Per questo, gira per il mondo dando corsi, assessorie, scrive libri e incontabili articoli sulla situazione storica attuale, ma sempre nella prospettiva strutturale, captando le tendenze più fondamentali al di là di ciò che è meramente fattuale.

Sono cosciente di non avere riassunto il ricco contenuto del libro. Ma ho tentato di captargli il filo conduttore, l’ispirazione basica che soggiace ai vari capitoli. Serve mettere in risalto, alla fine del libro, i vari ritratti che delle figure che hanno ispirato la sua vita, a cominciare dalla sua amata Lùcia, ispiratrice di tante luci; Dom Helder col quale lavorò, Gustavo Gutierrez, fondatore della Teologia della Liberazione, l’indimenticabile Betinho, suo maestro, Alceu Amoroso Lima e Candido Mendes nella cui università dirige il programma di Studi Avanzati in Scienza e Religione.

Mi sento onorato ad appartenere alla sua generazione e celebrare con fede e utopia una calorosa amicizia.

*Leonardo Boff, scritore e columnista del Jornal do Brasil on line e ecoteologo

Traduzione di Romano Baraglia e Lidia Arato

2 Comentários leave one →
  1. 09/11/2015 11:59

    o=brasil perde anualmente=100bilhões=de dólares mas só por parte do=nióbio=fora a parte que perde por parte dos outros minérios e mais de=200bilhões de reais para as=corrupções=e mais de= 700bilhões de reais para a=sonegação=aqui no brasil no exterior nos paraísos fiscais nas ditaduras militares latinas africanas nos países comunistas etc-então foram trilhões e trilhões de dólares eu ros etc perdidos durante séculos e séculos etc imagine se cada um destes centavinhos fossem=transparentemente investidos mas integralmente=1000%=á favor de cada cidadão brasileiro, o brasil e todos os brasileiros estariam tudo e todos mil vezes melhor que qualquer país primeirississimos mundos em todos os sentidos direções mas e daqui prá frente¿¿¿
    =
    será que daqui prá frente tudo será com 1000%transparencia informação verdade clareza como o trimestral extrato fgts=1000%democracia direta reta mas sempre participativa como é nos condominios apartamentos reuniões assem bléias consultivas particulares tudo num painel á vista de todos sem exceção etc mas encima de cada centavinho publico dos quase 02 trilhões anuais=bndes=tesouronacio nal-impostometros-etc-ri quezas recursos naturais-nióbio-tantalo-pré-sal-etc
    =
    pois o que todos os corruptos ou sonegadores sendo políticos empresários empreiteiros banqueiros cidadões etc mostram na receita federal=ou=repatriam=é só a pontinha do iceberg=00,001%=os outros mais de=99,999%=está=tudo=sonegados=surrupiados=corrupções=negociatas=dru=etc=mas em várias contas ultras secretas em vários locais no seu municipio estado no país todo e em todo o planeta te rra em dinheiros títulos propriedades imóveis etc
    =
    por isto tudo e todos eles-sem-exceção-evitam omitem mas ao máximo etc falarem eou fazerem tudo localmente nos seus estados municipios mindingos corruptos quintos etc tudo com 1000%transpa rencia biometria digital online internet etc obs que até mesmo no estado mais rico poderoso do brasil quase todos os municipios locais ainda tem tudo com livros cadernos cartões de pontos etc nada em termos de biometria digital online internet tudo ali ainda é tudo medieval
    =
    pois tudo ali é na base da caneta datilografia carimbaços dedaços burrocracias burrocráticos jagunços capitães de mato capata zes etc imagine então nos estados mindingos como=maranhão=alagoas= etc=os quais-locais-jagunços-etc-são implacáveis com uns mas depois a gente vê estes mesmos jagunços baterem mais de 100car tões de pontos entradas saídas de vários locais funcionários fantasmas
    =
    pois a maioria absoluta dos=corruptos=sonegadores=etc=tem milhões bilhões negociatas no brasil todo não só no seu próprio municipio estado e como no exterior, pois muitos deles aqui no brasil são limpinhos íntegros¿¿¿mas e lá no exterior nos paraísos fiscais nas ditaduras latinas africanas comunistas¿¿¿etc óbviamente tudo em nome de laranjas familiares parentes amigas amantes cargos de com fiança etc-pois sempre evitaram evitam 1000% transparencia etc aonde tem direto indiretamente úm único centavinho do=bndes=tesouro nacional=impostometros=etc não só no brasil mas em todo o planeta terra, pois se descobrem uma conta tem outras milhares de contas, pois se tivessem colonizado marte lua lá também teriam estas contas ultra secreta
    =
    assim sempre agiram agem muitos políticos banqueiros empreiteiros amigos ou familiares do rei do poder etc e o mais absurdo aparelhando comprando manipulando mas todo o poder judiciário congre sso nacional polícia federal ministérios públicos mídias em geral meios de comunicação etc principalmente átravés de todos os tipos de propagandas empresas públicas petrobrás banco do brasil cef etc isto é quem fala á favor e ou é omisso etc tem bilhões e bilhões mensais por parte de propagandas públicas estatais empresas públicas federal estadual municipal etc mas quem fala algo contra sendo verdade ou não
    =
    pois aonde direto indiretamente úm único centavinho público=bndes=filantropias=ong’s=empresas-publicas-etc=tudo ali veio direto indiretamente dos bolsos dos hoje menos de 210 milhões de brasile iros e vai tudo direto indiretamente para os quase 02 trilhões reais anuais=bndes=impostometros-tesouronacional-bancocentraldobrasil-bancodo brasil-cef-e somos os únicos verdadeiros donos patrões das riquezas recursos naturais nióbio tantalo pré-sal titanio bauxita césio uranio ouros diamantes matas florestas águas superficies subterraneas terras etc e nunca jamais foram ou são os políticos muni cipais estaduais federal e ou os seus tais amigos familiares parentes amigas amantes cargos de confiança do rei do poder etc
    =
    pois os antigos atuais menos de 210 milhões de brasileiros sempre foram e são os únicos donos acionistas-diretos-retos-da-empresa-brasil-filiais-sedes-matriz-etc-mas-inocentemente-como-os-anti gos-índios-brasileiros-desde-1500dc até hoje em dia sempre deixaram deixam tudo mas só nas mãos dos seus antigos atuais administradores públicos gerentes públicos gestores públicos, is to é dos políicos juntamente com todos os que financiaram financiam financiarão as suas milionárias campanhas políticas, banqueiros, empreiteiros-etc-os quais como empregados, pedem mais e mais verbas aos seus donos, á todos os brasileiros, e mesmo assim vão afundando a empresa brasil, e os mesmos vão montando outras empresas á parte(((corrupções-sonegações-negociatas-fraudes-etc-no planeta todo)))-e tudo na cara do-patrão-todo o povo brasileiro-etc
    =
    tudo no brasil sempre foi e é ainda tudo pura mentira omissão procrastinação ocultas trapaças só nos passaram passam só meias informações meias verdades¿¿¿mentira¿¿¿então por quê¿¿¿nunca jámais falaram a verdade pura absoluta integral sobre-o=nióbio=pré-sal=empreendedorismos=riquezas-águas-superficies-subterraneas-matas-irrigações-etc-e que na verdade todos os que nascem vivem no brasil são os mais quinqulionários do universo mas em todos os sentidos direções etc e na verdade no brasil nunca existiu existe crises desempregos inflações no brasil tudo isto sempre se manifestou manifesta mas é tudo em razão de todos os tipos variações de antigas atuais corrupções sonegações etc encima de ocultas negociatas encima de negociatas etc
    =
    obs que tudo e todos os meios de comunicação mídia em geral políticos mega empresários banqueiros empreiteiros etc falam sempre só em eleições novissimas e ou só falam que é tudo culpa dos tais al tississimos impostos tributos etc mas omitem totalmente que eleições diretas para tudo e ou=altississimos=baixissimos=impostos tributos tem na maioria dos países quintos terceiros primeirississimos mundos etc e são contra a antiga nova cpmf pois com ela é fácil-rastrear-a origem de cada centavinhos dos-megas-sonegadores-corruptos-negociatas-etc-pois nova cpmf poderia por exemplo substituir um ou vários outros tributos etc por exemplo mas nem isto nenhum deles querem

Trackbacks

  1. LETTERA APERTA A PAPA FRANCESCO – Angelo Nocent | GLOBULI ROSSI COMPANY

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: