Skip to content

A falta de vergonha e a usência de culpa na corrupção brasileira

22/07/2016

Depois que surgiu a psicanálise,  a nova hermenêutica e o estruturalismo não podemos mais nos restringir ao consciente e aos ditames da razão na análise dos fenômenos humanos, pessoais e coletivos. Há um universo pré-consciente, sub-consciente,  inconsciente (pessoal e coletivo) e pressupostos subjacente a nossas práticas, que tem que ser tomados em conta.

Quero me ater apenas a duas vertentes que influenciam nossos comportamentos: são os legados das duas principais culturas ancestrais que subjazem no nosso inconsciente coletivo e que são presspostos não pensados  que nos ajudam a entender fenômenos atuais, como por exemplo, a tresloucada corrupção que atravessa o corpo social brasileiro: a cultura grega e a cultura judaico-cristã.

Da cultura grega herdamos o sentimento de vergonha. O conceito correlato é a do herói. Ter vergonha para os gregos consistia em se frustrar em qualquer empreendimento como na guerra e na convivência social. Perder uma batalha constituía uma vergonha coletiva para todo um povo. Perder numa competição nas Olimpíades provocava vergonha. Triunfar e ser bem sucedido preenchia os requisites do herói.

Hoje esta categoria está presente em nossa sociedade. É um heroi o jogador que conseguiu o gol da vitória do time de sua predileção. Vergonha coletiva é o Brasil perder de 7×1 na Copa Mundial de futebol contra a Alemanha. Conseguir altos indices de crescimento e de lucro de uma empresa faz do empresário um herói. Perder uma eleição produz vergonha. A vergonha tem a ver acom a imagem que projetamos socialmente. Ela tem que causar admiração e respeito. Caso contrário, faz as pessoas se sentem envergonhadas.

A outra vertente é constituída pela tradição judaico-cristã. A categoria central é a culpa. Geralmente colocamos a culpa nos outros. Se fracassamos num negócio, é por culpa da crise econômica. Se o matrimônio se desfez é por culpa de um dos parceiros. Se há uma desgraça ecológica é por culpa dos moradores que se instalaram em áreas de risco. Às vezes, colocamos a culpa em nós mesmos por um acidente de tráfico, por erros que produzem uma ruinosa administração ou porque roubamos dinheiro público e nos tornamos corruptos.

A culpa atinge a interioridade e afeta a consciência. A repercução não é tanto diante dos outros que talvez nem saibam de nosso malfeito, mas diante do tribunal da consciência. Esta nos remete logo a Deus, pois entre a consciencia e Deus não há mediação. Estamos direta e imediatamente diante dele.

A culpa nos causa remorsos. Com o dinheiro desviado da merenda escolar, se tiver um mínimo de consciência ética, percebe que está prejudicando crianças que começam a passar fome. O sentimento de culpa pede reparação e cobra uma punição.

O oposto à culpa é o sentimento de ser justo e reto, dois conceitos definidores de uma pessoa “justa”(santa) no sentido bíblico.

Sentir vergonha e dar-se conta da culpa constituem as bases de uma consciência ética. Não precisar se envergonhar diante dos outros e não se sentir culpado diante da consciência e de Deus são sinais de retidão de vida e de uma atitude ética correta. Pode dormir tranquilo e não temer a maledicência pública.

Qual é o nosso problema concernente à escandalosa corrupção passiva e ativa no Brasil? É a acabada falta de vergonha e a completa ausência de culpa dos corruptos e corruptores diante de seus malfeitos.

Mesmo surpreendidos no ato de corrupção, ouvimos sempre o mesmo mote: “não sou culpado de nada”, “sou injustiçado”, “sou completamente inocente”. E trata-se de pessoas notoria e comprovadamente corruptas. Perderam a noção total de culpa e não dão nenhuma  importância à vergonha pública de seus atos. Seguem desfilando, tranquilos pela cidade e a frequentar os melhores restaurantes.

Raramente ouve-se a indignação ética por parte de alguns com os gritos de “corrupto, ladrão”. Mas os corruptos nem se incomodam e continuam no seu desfrute.

Já Aristótles na sua Ética a Nicômano estabelecia a vergonha e o rubor do rosto como um indicativo da presença de uma consciencia ética. Sem essa vergonha, a pessoa era realmente um “sem vergonha”, um mau caráter, sem sentido dos valores.

Essa falta de vergonha e de sentimento de culpa se transformou, entre nós no Brasil, numa especial de segunda natureza, tornada uma prática usual. Por isso, quase todo o tecido social é contaminado pelo virus da corrupção, dos corruptores e dos corrompidos.

Mas ela chegou nos dias atuais a níveis tão escandalosos que não podem mais ser tolerados pela sociedade e pelos cidadãos que ainda guardam uma consciência ética, do que é reto e correto, justo e bom.Cobra-se rigorosa investigação e condenação.

A corrupção como prática pessoal e social, sem sermos moralistas e utópicos, tem que ser banida e reduzida a níveis compatíveis com a condição humana decaída e corruptível. Há que se resgatar o sentimento de vergonha e de culpa, sem o que nossos esforços serão inócuos.

Leonardo Boff é articulista do JB on line, foi professor de ética na UERJ e em Heidelberg na Alemanha.

14 Comentários leave one →
  1. 22/07/2016 0:34

    Entendo que quem não respeita os mandamentos da Lei de Deus, que Jesus reduziu a “amar a Deus sobre todos e sobre tudo e ao próximo como a si mesmo “, não respeitará qualquer outra LEI. “Deus nos criou por amor e salvou por misericórdia”. Sem Deus o ho-mem se auto-destroi!

  2. 22/07/2016 1:14

    Nada à acrecentar! Exposição perfeita. Parabéns!

  3. 22/07/2016 8:45

    Impressionante!! Olha o nível de distorção cognitiva que o fanatismo ideológico produz!! Como pode alguém que defende intransigentemente um governo corrupto até a medula, como o do PT, escrever um texto que critica justamente estas mesmas práticas!!!! Acho que neste nível já não pode ser atribuído apenas falta de vergonha na cara do autor, mas alguma psicopatia grave!! Este texto deveria ser analisado por psiquiatras!!!

    • 25/07/2016 22:40

      Jarbas, vc é a prova e a demonstração da falta de vergonha e de culpa.Sua ínteligência é mineral, incapaz de entender o que estava no texto.

  4. Joao J. da Sailva permalink
    22/07/2016 9:34

    Quem tem vergonha carrega consigo os valores de uma vida de simplicidade. Isso não acontece com os corruptos que dão as costas aos valores em detrimento de uma vida regada.

  5. adenir balmant permalink
    22/07/2016 11:27

    A INVISIBILIDADE DO ÓBVIO, MISTÉRIOS ATRÁS DA PORTA, SEGREDOS DE ESTADO ficam em muitos casos para a justiça e misericórdia de Deus. Sonhei que estava dando um petardo na bola e o meu dedão bateu na parede e sangrou. EGO E SUPEREGO se juntaram e fiquei uns dias com o dedão doendo.Instintos de vida e de morte seguem nas correntes do mar da vida. Visíveis e invisíveis. Deus ama antes, durante e depois dos acontecimentos dos tempos do relógio e do Kayrós que a cada dia vai se consumando até a decisão do PAIZINHO que sabe tudo e de tudo.

  6. 22/07/2016 14:42

    Há casos, como no do Cunha, em que me parece psicopatia mesmo.

  7. rosario braga permalink
    22/07/2016 23:54

    Nãs creio que hoje haja mais corrupção que em qualquer outro momento de nossa história. Acredito que é a primeira vez que se permitiu desnundar essa corrupção, e olhe lá, a de alguns, pois outros continuam a ser acobertados.

  8. Aristóteles Barros da Silva permalink
    25/07/2016 23:34

    E, de tanto ver esses/as cara-de-pau andando por aí, na maior desfaçatez, é que a gente se pergunta: Será que vale a pena ser honesto/a? Até quando esses/as que perderam a noção de ética e de moral, continuarão vivendo sob a proteção dos Poderes constituídos?

  9. carmem farina permalink
    26/07/2016 3:03

    É impressionante a mudança de valores éticos e morais de nossa sociedade,especialmente daqueles que possuem cargos em que se consideram”blindados”
    Sempre houve corrupção,certamente,mas estou consciente de seu aumento e dessa total ausência de culpa pelos que a praticam..
    O que está faltando na mente consciente do homem?O que foi inculcado em seu subconsciente que o tornou tão “estéril”<com o afeto tão rígido?
    Ainda acho que o ato de educar precisa ser reciclado,revisto pelas bases ..È a única maneira de despertarmos ou redespertarmos o chamado ser humano para uma realidade mais colaborativa ,mais solidária,,
    Um abraço,Leonardo.

  10. 26/07/2016 16:50

    Aqui caminhamos mesmo na contra-mão, com o GOLPE patrocinado e apoiado pelos trouxinhas golpistas!

    PRIMEIRAMENTE, #FORATEMER

    OS FALSOS PATRIOTAS
    >> https://gustavohorta.wordpress.com/2016/03/18/os-falsos-patriotas/

    ” FALSOS PATRIOTAS QUE SONEGAM A VERDADE E NADAM NA HIPOCRISIA.
    FALSOS PATRIOTAS QUE SE LOCUPLETAM NO BACANAL QUE QUEREM TANTO PRESERVAR EM NOSSA NAÇÃO.
    FALSOS PATRIOTAS QUE SE ENROLAM NA NOSSA BANDEIRA, USAM E USURPAM DE NOSSAS CORES E DE NOSSOS SÍMBOLOS E NOS VENDEM, NOS ENTREGAM, NOS TRAEM, TODO DIA, TODA HORA, TODO MINUTO, A CADA SEGUNDO.
    FALSOS PATRIOTAS, FASCISTAS E RADICAIS, QUE ESPALHAM ÓDIO, QUE DESTROÇARAM AO LONGO DE VÁRIOS MESES, A ECONOMIA E A PAZ DE NOSSA NAÇÃO E DE NOSSO TRABALHO.
    FALSOS PATRIOTAS, SABOTADORES DA NAÇÃO, SABOTADORES DA PÁTRIA, CANALHAS AGRUPADOS EM QUADRILHAS COVARDES E ESPÚRIAS.
    FALSOS PATRIOTAS QUE SE TRAVESTEM DE BONS E SONEGAM A CONSTITUIÇÃO, RASGAM AS ELEIÇÕES, GOLPISTAS E TRAIDORES PERMANENTEMENTE ESCONDIDOS NA MÁSCARA VERDE E AMARELA DA QUAL SE APROPRIARAM, COMO ASSIM O FIZERAM E FAZEM DE TUDO O MAIS.
    ROUBARAM NOSSA BANDEIRA, ROUBARAM NOSSAS CORES, ROUBARAM NOSSO PAÍS, ROUBARAM TUDO DE NÓS E QUEREM NOS ROUBAR AINDA MAIS E SEMPRE.
    FALSOS PATRIOTAS QUE SE APROPRIARAM DE TUDO, DE TODOS, DOS CORAÇÕES E DAS MENTES.
    FALSOS PATRIOTAS QUE SEQUER RECONHECEM A LEI E QUE A CHANTAGEIAM E VILIPENDIAM HÁ TANTOS E TANTOS MESES, UTILIZANDO-SE DOS MEIOS E RECURSOS MAIS CRETINOS E FALACIOSOS.
    FALSOS PATRIOTAS MANIPULADORES E COVARDES.
    FALSOS PATRIOTAS, NÓS OS REPUDIAMOS. NÓS, MESTIÇOS, NORDESTINOS, POBRES, POVO, BRASILEIROS, NÓS REPUDIAMOS A VOCÊS E RENEGAMOS VOCÊS COMO BRASILEIROS.
    AQUI AINDA HÁ UMA CONSTITUIÇÃO, POR INCRÍVEL QUE POSSA PARECER. AQUI AINDA HÁ LEI, POR INCRÍVEL QUE POSSA PARECER. AQUI AINDA DEVERIA HAVER JUSTIÇA, POR INCRÍVEL QUE POSSA PARECER.

    JUSTIÇA BRASILEIRA, CADÊ VOCÊ? POR ONDE ANDAS, DORMENTE. POR ONDE ANDAS SILENTE. POR ONDE ANDAS, CONIVENTE.”

  11. Cibele Nunes permalink
    26/07/2016 16:51

    Mestre, considero os sentimentos de vergonha e culpa como origens do melhores e dos piores sentimentos que uma pessoa pode ter. Eles podem nos levar a Deus ou à morte, física e espiritual. Tem que amar muito para corrigir. Tem que amar muito para aceitar a correção.

Trackbacks

  1. A falta de vergonha e a usência de culpa ...

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: