Pular para o conteúdo

Brasil: Democracia ou Nazifascimo

27/09/2018

Nunca em nossa história fomos colocados diante de uma alternativa tão radical: o ex-capitão candidato à Presidência, Jair Bolsonaro se apresenta com todas as características do nazifascismo que vitimou milhões na Europa na Segunda Guerra Mundial e um outro de quem não se pode negar um espírito democrático, Fernando Haddad. Bolsonaro mesmo declarou que não se importa ser comparado a Hitler. Se ofenderia se o chamassem de gay.

Cometeu todas tantas barbaridades contra as mulheres, os negros, os indígenas, os quilombolas, os LGBT inclusive fazendo apologia aberta de notórios torturadores. Deixou claro em declarações inescrupulosas que pretende impor uma política repressiva contra esses grupos como política de Estado. . Não admira que possui a mais alta rejeição nas pesquisas de intenção de voto.

Entendemos sua ressonância pois não são poucos que querem ordem na sociedade a qualquer custo e que rejeitam qualquer tipo de políticos por causa da corrupção que corroeu este país. Sempre a busca da ordem sem se preoucupar com a justiça social e com procedimentos jurídicos corretos foi o húmus que alimentou e alimenta ainda hoje os grupos de direita e de extrema direita. Com Hitler foi assim: “Ordnung muss sein”: “deve imperar a ordem”. Mas uma ordem imposta pela repressão e pelo envio aos campos de extermínio de judeus, ciganos e opositores.

Bolsonaro explora esta busca da ordem a qualquer preço mesmo com a militarização do governo como já foi publicado pela imprensa. Caso ganhar, que os céus nos livrem, colocará nos ministérios-chaves generais, geralmente, aposentados mas com uma mentalidade francamente direitista e autoritária. Propõe até eventualmente um auto-golpe, quer dizer, Bolsonaro como Presidente pode convocar as forças armadas, dissolver o Parlamento e instaurar um regime autoritário e altamente repressivo.

Não temos alternativa senão unirmo-nos, para além dos interesses partidários, para salvar a democracia e não permitir que o Brasil seja no mundo inteiro considerado um pais politicamente pária.

Isso afetaria grande parte da política latino-americana, especialmente naqueles países cujas democracias são frágeis e estão sob o fogo do pensamento direitista que cresce no mundo inteiro.

Não é de admirar que conglomerados financeiros que vivem da especulação, associados a empresários que não têm nenhuma consideração pelo futuro da pátria a não ser pelos próprios negócios, associados aos burocratas do Estado, afeitos à corrupção e às negociatas constituam a base social de sustentação de um tal regime autoritário de cariz fascista e nazista.

Seria uma ruptura inédita em nossa história nunca havida antes. Os militares e empresários que deram o golpe de 1964 eram pelo menos nacionalistas e exaltavam um crescimento econômico às custas do arrocho salarial e do controle rigoroso das oposições, com prisões, sequestros, torturas e assassinatos, hoje testemunhados até por documentos vindos dos órgãos de segurança e da política externa dos USA.

O povo brasileiro que já sofreu tanto ao longo da história, sob a chibata dos senhores de escravos e depois pela super-exploração do capitalismo nacional, não merece sofrer mais ainda. Temos uma dívida para com ele que nunca chegamos a pagar. E ela nos será cobrada até o juizo final. Pensadores como Safatle denunciam claramente a montagem já articulada de um golpe militar em nome do caos social, pouco importa quem vença as eleições.

Alimentamos a esperança de que o bom senso e a vontade de reafirmar a democracia pela maioria dos votantes nos livrarão deste verdadeiro castigo que, efetivamente, não merecemos.

Leonardo Boff é teólogo, filosofo e escritor

Anúncios
13 Comentários leave one →
  1. Alberto Wladimir Emilio permalink
    28/09/2018 7:11

    Bom dia! Que Deus nos guie.
    Grato
    Alberto

    Curtir

  2. 28/09/2018 10:58

    Depende desde que óptica se veja a realidade. Claramente Leonardo Boff, como um dos poucos arautos da teologia da libertação, tem a visão de tendencia vermelha e sempre vai apoiar toda tendência que seja, neste caso de ultraizquerda. Para ele Lula – Haddad é democrático, a mesma coisa pode dizer do venezuelano Nicolás Maduro, e também do Evo Morales e outros satélites caducos que querem fazer sobreviver a fracasada ideología marxista – leninista – maoísta. Ficou demonstrada que a tendencia socialista de Lula, criou uma cultura de robo, apoio a ditaduras e corrupção, claramente demonstrada porque a maioria de seus lideres estão presos. Nao adianta tampar o sol com uma peneira, as situações de aproveitamento e saqueio do país é clara. Haddad é o ultimo tiro que resta ao PT.

    Curtido por 1 pessoa

    • 01/10/2018 19:07

      Vc está muito atrasado no tempo, como se estivéssemos na guerra fria e ainda houvesse comunismo. Ele não tem signficação nenhuma. A China se diz “socialismo de modo chinês” não se professa comunista, à exceção da Coreia do Norte e o de Cuba totalmente transformado e laico, não mais ateu. É melhor não usar esta coisa de comunistas porque apenas revela sua ignorância.Lb

      Curtido por 1 pessoa

      • Laisla permalink
        02/10/2018 0:58

        Percebe-se claramente Augusto, que somos nós os “atrasados no tempo” mesmo. Ah, tá. Ok! Os vermelhos e seus seguidores têm a mania de acharem que detêm o poder de afirmar com autenticidade que 1 + 1 é igual a 13 e ninguém contesta essa exatidão. Parei por aqui, parei de insistir em dialogar com as “mentes brilhantes” que insistem em dizer que os ignorantes somos nós. #bizarros #sempreserão.

        Curtir

  3. Laisla permalink
    28/09/2018 23:51

    “…e um outro de quem não se pode negar um espírito democrático, Fernando Haddad.”
    Meu Deus, em que mundo você vive? Já deve ter ouvido muitas vezes esse questionamento sensato, não?! Até me deparar com essa frase acima eu estava aberta a terminar de ler seu texto. A democracia a qual se refere é a que o manipulam defender? Vamos esclarecer que a manipulação/parceria com a equipe do mal, entretanto, não o exime da responsabilidade sobre os erros, certo?! O chefe manda um alô de Curitiba. Estão de “parabéns” pela lavagem cerebral que instauraram nos 14 anos que passaram por lá e pelo “privilegio” de nos entregaram o país assim, um legítimo caos, tudo mais falido do que quando assumiram o poder. “A culpa é do Temer!” É também, com certeza, mas parar de terceirizar a culpa também é democrático. Em 2 anos é impossível cavar toda essa cratera que a economia e o todo vive hoje. Atualmente, a definição de democracia está bem distorcida. Infelizmente não é permitida ser identificada e explicada de forma clara como deveria ser. Uma tragédia.
    Por fim, não defendo e me horrorizo com o que enfrentamos, assim como explanado em seu texto. Mas se posicionar favorável ao cidadão democrático que citou acima, é vergonhoso. Entendo que o texto é voltado a outra pessoa, mas dizer que o outro lado é democrático, é suicídio intelectual. Paremos de pensar e formar opiniões tendenciosamente a uma única cor. O DEVER é ser tendencioso à cor da nação. Verde e amarelo é a única e exclusivamente verdadeira. Obrigada.

    Curtir

    • 01/10/2018 18:59

      A ONU quando Haddad era prefeito tomou as 10 maiores cidades do mundo e seus gestores. Haddad estava entre os 10 melhores. Ele é doutor em filosofia e formado também e economia. Sabe pensar e gerir. Creio que vc generaliza e o torna cego para aquilo que de bom existe nas pessoas.lb

      Curtir

      • Laisla permalink
        02/10/2018 0:51

        Tá, legal. E o que deixou de herança significativa para São Paulo? Isso é que realmente nos interessa. Paulistas e paulistanos conseguem lembrar do que gerou de positivo em sua gestão: diminuição de acidentes por consequência da redução de velocidade na marginal. E o que mais? O que? O fato é que a cidade é bem grande e necessita de ações muito maiores funcionando em conjunto. Caso o seu ídolo já tivesse optado não fazer mais parte do partido que terminou de levar o país para o buraco e virar marionete do chefe enclausurado de Curitiba, poderíamos continuar a discussão, mas percebo que o cego e generalista é quem não se deixa analisar dados mais abrangentes, mas somente um da ONU ou referente a formação acadêmica de fulano ou ciclano (como se SÓ isso fizesse alguém digno e bem preparado para governar com decência, principalmente na atual conjuntura. Histórico mais relevante não conta pelo jeito). Valeu por mostrar que o ponto cego que você mira nunca te permitirá analisar fora da caixa.

        Curtido por 1 pessoa

      • Lina Menezes permalink
        08/10/2018 14:41

        Meu respeito e minha decepção. Então o senhor defende que quem rouba comprovadamente merece continuar governando? Os órgãos estrangeiros realmente não vivem o que se passam na realidade de um país ou se fazem para mante-los sob sua chibata. Não defendo extremistas ou radicais, mas bandidos comprovadamente, jamais!!!

        Curtir

  4. NARA ZANOLI permalink
    29/09/2018 9:00

    ELE NAO NAO NAO

    Curtir

  5. 29/09/2018 17:06

    Infelizmente poucas pessoas se deram conta deste mal que nos ronda, mesmo membros da CNBB ainda tratam Bolsonaro apenas como um oportunista, não que não seja também oportunista, mas para alguém que traz idéias nazifascistas isto é o que menos conta!

    Curtir

  6. 03/10/2018 23:09

    Republicou isso em Paulosisinno's Bloge comentado:
    “Brasil: Democracia ou Nazifascismo” – Leonardo Boff

    Curtir

  7. Márcia Montezuma permalink
    08/10/2018 17:21

    Excelente análise do grande e sempre lúcido Leonardo Boff

    Curtir

  8. rossanarefosco permalink
    09/10/2018 12:42

    Excelente, Boff!
    Penso que é exigir demais de um eleitor do Bolsonaro uma compreensão acerca do que nos é humanitário. Deus é Deus, Mamon é Mamon, eles não se fundem. Basta que saibamos para quem lutamos e as razões pelas quais lutaremos até a morte, sabendo que a justiça impele perseguição.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: